Ato vitorioso leva categoria a iniciar diálogo com Secretário de Educação.

0
333

Após manifestação da categoria no Largo do Caranguejo, na manhã da terça-feira, 17, houve a decisão de todos seguirem rumo a Secretaria de Educação no Bairro do CAIC. Lá chegando, houve certa tensão entre os membros da categoria e servidores da Secretaria de Educação.

Após esse primeiro momento de tensão, como já dissemos, uma comissão dos trabalhadores em educação reuniu-se com o Secretário Paulo Aquino que demonstrou interesse em dialogar com a categoria mediante a boa vontade demonstrada pelos membros da comissão que solicitaram o reestabelecimento das negociações por parte do governo municipal.
Na tarde deste dia, os profissionais se concentraram na Câmara de Vereadores e puderam assistir à sessão, observando o posicionamento dos vereadores a respeito da educação pública. Mais uma vez o vereador Manoel Carlos (Carluxo) se colocou contrário ao direito de autotutela (greve) dos profissionais da educação. Afirmou ainda que esteve com a prefeita e saiu convencido da proposta do governo. Fez, nos seus 10 (dez) minutos de fala, defesa ferrenha à prefeitura de Lauro de Freitas. O vereador Márcio Araponga se posicionou a favor dos trabalhadores em educação e, através de requerimento feito à Casa, indicou reajuste de 15,85% aos profissionais em educação. O requerimento foi aprovado pela Casa Legislativa e seguirá para análise do Executivo.

A categoria, que é soberana, na assembleia, aprovou a continuidade da greve e a agenda de mobilização desta semana. Veja:

18/05 (qaurta-feira):

  • 11h – ida à imprensa (Balanço Geral e TV Bahia)

19/05 (quinta-feira):

  • 09h – assembleia geral, na Associação dos Funiconários Públicos do Estado da Bahia
  • 16h – Concentração na Câmara de Vereadores

20/05 (sexta-feira):

  • 10h – audiência pública, na Câmara de Vereadores (faltando confirmação)
  • 14h – reunião do comando de greve

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here