Comoção e muita dor no enterro da Educação de Lauro de Freitas

0
426
Na manhã e na tarde desta sexta-feira, 13, na Praça da Matriz, em frente à prefeitura, os trabalhadores em educação do município de Lauro de Freitas, BA, realizaram (com reflexão, choro, revolta e muita dor) o enterro simbólico da Educação pública municipal. Centenas de profissionais (vestidos de preto, segurando uma vela e uma flor vermelha) foram manifestar seus sentimentos de pesar.
Os servidores da educação começaram fazendo reflexões sobre a situação por qual passavam a educação e os profissionais da educação. Professores do município, e de outros municípios, pais, alunos e outros servidores públicos participaram e fizeram pronunciamentos sobre a educação. Em seguida, os trabalhadores fizeram o cortejo com o caixão da educação pelas ruas da Praça de Lauro, com marcha fúnebre, música “Segura na mão de Deus” e anunciando o falecimento da educação. O cortejo se encerrou na frente da prefeitura, onde, cercado por velas e flores, o caixão foi colocado. Foi orado o “Pai nosso”, cantadas mais músicas, e mais orações na esperança de que ainda haja um milagre para a educação do governo Moema Gramacho.
O enterro simbólico foi uma forma de manifestar o descaso e o desrespeito da prefeitura de Lauro de Freitas com a educação pública e com os profissionais da educação. A categoria está em greve desde o dia 06/05 e reivindica, além de reajuste digno, melhorias na qualidade das escolas e nas condições de trabalho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here