Greve de professores em Lauro de Freitas já dura duas semanas

0
425

Cerca de 30 mil alunos das 80 escolas do município de Lauro de Freitas estão fora da sala de aula há mais de duas semanas. Os professores estão em greve e reivindicam melhores condições de trabalho, além de pedirem aumento de pouco mais 20% no salário base.
A paralisação começou no dia 6 de maio. Entre as reivindicações estão a redução da jornada de trabalho, plano de carreira para funcionários e ajuste salarial de 21,71%. A categoria garante que só retorna às atividades quando a prefeita chamar para negociar mais uma vez.
Eles pedem também melhoria na estrutura das escolas. As salas de aula estão sem porta, com cadeiras quebradas e outros problemas na escola municipal do bairro de Vida Nova. A escola funciona como anexo dentro do Centro Comunitário, no mesmo local da Unidade da Saúde da Família do bairro. Bem em frente a uma das salas de aula, fica um consultório odontológico.

*Informações do Teia de Notícias

http://www.jusbrasil.com.br/politica/7032397/greve-de-professores-em-lauro-de-freitas-ja-dura-duas-semanas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here