ASPROLF abre edital para submissão de trabalhos

1
486

O ASPROLF-SINDICATO, entidade sindical que representa os/as trabalhadores/as da rede pública de Lauro de Freitas convida seus associados/as a encaminharem textos oriundos de pesquisas empíricas e relatos de experiência envolvendo nosso Sistema de Educação.
Essa iniciativa é um desdobramento das ações do Grupo de Trabalho (GT) coordenado pelo Diretor de Assuntos Educacionais, Washington Cardoso Junior, que elaborou um relatório técnico contendo um apanhado das dificuldades, elencando iniciativas dos/das profissionais da rede pública para mitigar os prejuízos ao Direito à Educação dos alunos/as do nosso município.
Diante da potência das ações dos/as trabalhadores/as a diretoria executiva do ASPROLF-SINDICATO encaminhou a proposta de publicação de um livro − dossiê temático acerca das iniciativas dos/as profissionais para garantir o direito à educação no município de Lauro de Freitas – na assembleia geral extraordinária do dia 20 de agosto de 2020.

Assim abrimos espaços para a submissão de artigos e relatos de experiência que contemplem as modalidades de ensino e as etapas de escolarização ofertadas no sistema municipal de educação, a saber: educação de pessoas jovens, adultos e idosos; educação especial, inclusiva e diversidade; educação infantil; anos iniciais do ensino fundamental; e os anos finais do ensino fundamental.
Esses textos devem ser encaminhados exclusivamente para o email [email protected], entre os dias 01 de outubro e 15 de novembro com o retorno dos/as pareceristas até o dia 04 de dezembro. Para garantir a lisura na análise dos textos e posterior adequação dos aspectos formais a um padrão mínimo de publicação esse processo será conduzido por avaliadores/as desvinculados da rede pública de Lauro de Freitas.

Após o retorno dos pareceristas e comunicação oficial, via email, das adequações apontadas caberá ao(s) autor(es) realizar a retificação do texto em um prazo máximo de 15 dias para garantir a autenticidade de cada artigo e/ou relato de experiência e cumprir os prazos de diagramação e posterior materialização do projeto. Os/As autores/as que não cumprirem essas determinações, bem como não atenderem as orientações de formatação técnica terão os textos desconsiderados para efeito dessa publicação.

NORMAS PARA FORMATAÇÃO DO TEXTO:
• Fonte Times New Roman, corpo 12;
• Espaçamento 1 ½, justificado;
• Número de caracteres: 25.000 a 45.000 (com espaço), não incluindo o resumo e as palavras-chave; {PONTO EM ABERTO}
• Não serão permitidos Anexos e Apêndices ao artigo;
• Notas ao fim do texto;
• Título em maiúscula e em negrito, recuo à esquerda;
• Subtítulos em negrito sem numeração;
• Autoria em maiúscula abaixo do título, com recuo à esquerda;

NORMAS PARA FORMATAÇÃO DO RESUMO

• Conter entre 150 a 250 palavras.
• Deverão acompanhar o Resumo, cinco palavras-chave em português.
* No caso de recortes de dissertações e teses, bem como de trabalhos apresentados em eventos acadêmicos anteriores é necessário referenciar que o texto já passou por esse momento de escrutínio público onde o debate levou a adequações e ajustes no seu conteúdo e forma, não implicando em um exercício de autoplágio.

1 COMENTÁRIO

  1. Sugiro a inclusão da EDUCAÇÃO INTEGRAL como modalidades de ensino ou etapas de escolarização ofertadas no sistema municipal de educação. Uma vez que o tempo de estudo é um item essencial nesse contexto?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here