Professores da rede estadual de ensino protestam em frente ao Ministério Público

0
323

Um grupo de professores da rede estadual de ensino protestou, na manhã desta quinta-feira, 30, em frente à sede do Ministério Público, na Avenida Joana Angélica, em Salvador. Eles estão insatifeitos com a chamada certificação promovida pelo governo através do concurso realizado no último dia 19.

De acordo com os manifestantes, não é justo que apenas três mil professores, dos 22 mil inscritos no concurso, sejam escolhidos para passar a ganhar mais. “Essa história de concurso para professores já concursados não existe. Queremos que essa forma de avaliação seja anulada e que os professores passem a ganhar mais por tempo de serviços prestados”.

Os manifestantes ainda criticaram a forma como a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB) vem conduzindo as negociações junto ao governo do Estado. “Eles aceitaram a certficação que o governo do Estado quer propor e contrariam os interesses da categoria. Um absurdo”. Além disso, os professores cobram melhorias, já que se queixam de insegurança no ambiente de trabalho.

Representantes dos professores deram entrada em um processo no Ministério Público e estão reunidos com membros do órgão para tentar chegar a um acordo em relação às reivindicações e, por conseguinte, a anulação do processo seletivo.

A assessoria de comunicação da Secretaria de Educação do Estado da Bahia informou que o protesto dos professores não faz sentido, já que há mais de um ano foi discutido e acordado entre a própria Secretaria de Educaçação, a Secretaria de Administração do Estado da Bahia e a APLB que haveria essa avaliação para os professores, e que o plano de carreira já existe dentro da profissão.

Fonte: A Tarde Online, 30/09/2010

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here