ASPROLF e Executivo fecham negociação com reajuste salarial de 8%

0
597
A proposta do ASPROLF aceita pelo Executivo vai ser levada amanhã pela manhã para apreciação da base durante assembleia geral extraordinária na AFPEB

Chefe de gabinete Sr. Leto Lopes, o secretário de educação Sr. Paulo Gabriel Nacif, e a Sra. Moema Gramacho prefeita.

Enfim a prefeitura municipal de Lauro de Freitas chegou a um acordo sobre o reajuste salarial dos trabalhadores municipais da educação, hoje (16), pela manhã, durante a oitava rodada de negociação da pauta reivindicatória da categoria.
A reunião que contou com a Coordenação Executiva do ASPROLF– Sindicato dos Trabalhadores Municipais da Educação, comissão paritária e a prefeita Sra. Moema Gramacho, além do secretário de educação (Sr. Paulo Gabriel Nacif) e o chefe de gabinete (Sr. Leto Lopes), foi rápida e com avanços significativos para a classe trabalhadora.

Sra. Moema Gramacho – Prefeita de Lauro de Freitas
No encontro anterior (09/05), os sindicalistas haviam apontado a contraproposta de 8,5%, que não foi aceita pela gestora, que insistia em oferecer apenas o percentual do Piso Nacional (7,64%) parcelado em 3 vezes, sem ganho real. Na mesa de hoje, demonstrando maturidade de negociação e flexibilização, oASPROLF trouxe o índice de 8,0% escalonado em 3,0% no mês de abril, 3,36% em novembro e 1,64% a partir de 1º de dezembro.

Reunião do dia 9 de maio.

Comissão paritária reunida. 
A prefeita acatou à proposta e se comprometendo também a dar agilidade às 3 comissões que vão discutir a Eleição Direta para Gestor de Escola, a Análise de Processos Administrativos e o Plano de Carreira. A proposta do reajuste será levada para a assembleia geral extraordinária de amanhã (17), às 9h na AFPEB, para apreciação e deliberação dos trabalhadores. Caso passe, na reunião entre o ASPROLFe governo ainda na tarde desta quarta-feira, será fechada a negociação com assinatura de um TAC – Termo de Ajustamento de Conduta, firmando todos os pontos fechados em mesa de negociação.Outro ponto também ficou definido, foi uma reunião para o dia 22/05, às 8h30, no Centro de Cultura de Portão, entre governo e profissionais REDA, auxiliares de classe, cuidadores e agentes administrativos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here