Asprolf participa de ato histórico em defesa da Democracia

0
283

Na mobilização nacional em defesa da democracia e do processo eleitoral, cartas pela democracia foram lidas em todo o País 

Convocados pela Asprolf, os trabalhadores da educação da Rede Municipal de Ensino de Lauro de Freitas (RMS), fizeram história nesta quinta-feira – 11 de Agosto: Dia de Mobilização Nacional em Defesa da Democracia e por Eleições Livres. 

Ocupando ruas e avenidas de todo o Brasil, trabalhadores de diferentes setores da sociedade, deram a resposta às ameaças de golpe contra a democracia que vem sendo ensaiada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Na Bahia, com trios elétricos, faixas e cartazes o Movimento Amplo em Defesa da Democracia, se concentrou no Campo Grande (Salvador) e, além de entidades em defesa dos trabalhadores e a sociedade civil, a participação maciça de estudantes, que no asfalto aprenderam ainda mais sobre democracia, e gritavam que “aqui o golpe não tem vez!”

Partidários de Lauro de Freitas também saíram com a ‘Frente Brasil Popular Lauro de Freitas pela Democracia.’

A Carta em Defesa do Estado Democrático de Direito lida na praça da Piedade, é a repetição do Manifesto Contra a Ditadura Militar há exatamente 45 anos. A Carta desta vez, além da defesa à democracia, contempla a defesa do sistema eleitoral e o respeito ao resultado das urnas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here